Pages Menu
Categories Menu

Postado por em ago 23, 2018 em Blog | 0 Comentários

Saiba quais são os métodos de desratização

Desratização

desratização

Os roedores são nossos inimigos mais antigos e cuja infestação é bastante temida devido a quantidade de doenças que podem ser transmitidas pelos mesmos, tais como a leptospirose e a peste bubônica. No que se refere aos ratos o procedimento para combater uma infestação, denomina-se desratização. Este procedimento deve ser realizado através de medidas físicas, químicas e biológicas.

Acompanhe a seguir, como é realizada uma desratização eficiente:

Medidas físicas

As medidas físicas baseiam-se na instalação de armadilhas próximas aos locais em que foram avistados os roedores pela última vez, ou então próximas de seus ninhos, desde que o mesmo já tenha sido descoberto.

Em última instância, existem as placas de cola, que podem ser utilizadas para o controle de roedores. Este método baseia-se em se colocar as placas no meio do caminho realizado pelo rato, que ficará preso a armadilha e assim acabará morrendo.

Medidas biológicas

Este método baseia-se na utilização de outros animais para combater os roedores. Tais como a aplicação de bactérias em iscas, que causarão a morte dos mesmos.

Este método é considerado ineficaz visto que, poderá causar a morte de outros animais e isto poderá comprometer o ciclo natural da cadeia alimentar. Além disso, poderá acarretar problemas de saúde ao homem.

Medidas químicas

Das três medidas existentes atualmente para a desratização, a medida química é sem sombra de dúvidas a mais eficiente. No entanto, a utilização dos rodenticidas, nome dado aos produtos químicos desenvolvidos especialmente para causar a morte dos roedores, deve ser realizada com bastante cuidado devido a sua alta toxicidade.

Além disso, deve-se tomar o cuidado de se utilizar apenas os produtos químicos recomendados pela ANVISA, visto que ainda hoje existem muitas substâncias utilizadas deliberadamente sem a devida licença sanitária, colocando assim a vida das pessoas em risco.

Em muitos casos, torna-se necessária a combinação de medidas físicas e químicas para se controlar uma infestação por ratos.

Medidas preventivas

As medidas preventivas são ações, que podem e devem ser realizadas pelas pessoas em sua residência a fim de se evitar a presença dos ratos.

Veja a seguir, algumas medidas simples que podem ser facilmente realizadas:
• Manter os ambientes sempre em condições higiênico-sanitárias satisfatórias;
• Realizar o armazenamento adequado dos alimentos;
• Dar um destino adequado para o lixo;
• Evitar o acúmulo de resíduos alimentares no ambiente;
• Realizar a manutenção correta dos terrenos baldios;
• Manter os ralos devidamente tampados.

Conforme mencionado anteriormente, os ratos são consideradas pragas urbanas bastante nocivas à saúde do homem, por este motivo devem ser combatidos de todas as maneiras possíveis.

As medidas preventivas podem ser realizadas por cada um de nós, em nossas residências. Entretanto, é importante que as medidas físicas e químicas de desratização sejam realizadas por empresas devidamente habilitadas e treinadas para este fim. Caso contrário, além de não se resolver o problema com os ratos, poderão surgir outros problemas maiores.

Se você necessitar de um serviço de desratização no Rio de Janeiro, solicite orçamento para a Tecnovet.

Social Share Toolbar